A construção da invisibilidade das mulheres nas ciências: a exemplaridade de Bertha Maria Júlia Lutz (1894-1976)

Maria Margaret Lopes, Lia Gomes Pinto de Souza, Mariana Moraes de Oliveira Sombrio

Resumo


Este artigo se insere em uma pesquisa mais ampla sobre a trajetória político-científica da conhecida líder feminista Bertha Lutz. Comenta aspectos de suas inúmeras atividades científicas, para apontar a importância de se considerar, nas discussões sobre história das ciências e história das mulheres no Brasil, também a dimensão das análises de gênero e ciências. Inicia reflexões sobre a construção historiográfica da invisibilidade das mulheres na ciência, também no caso brasileiro.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/rg.v5i1.223

Apontamentos

  • Não há apontamentos.